Notícias

Exposição - "Fragile Terrains" Lauren Shapiro



Lauren Shapiro - "Spinal Column - Tryptic" - S/D
Porcelana fundida, aço e cimento – 91,44 x 78,74 x 55,88 cm




A Galeria VilaNova exibe “Fragile Terrains", da artista visual norte-americana Lauren Shapiro, sob curadoria de Sebastiano Varoli. Em parceria inédita com a Art Bastion Gallery, sediada em Miami (Flórida, EUA), a individual apresenta quinze esculturas, uma instalação e uma projeção, as quais fazem referência à relação insustentável da sociedade com o ecossistema, revelando estruturas vivas encontradas pela artista na natureza – cuidadosamente coletadas por meio de moldes, em florestas e rios -, que emergem do solo e interagem com elementos arquitetônicos da paisagem urbana.

O trabalho de Lauren Shapiro busca inspiração nos fenômenos climáticos, nas conexões entre sistemas ecológicos e nas geometrias ocultas na natureza, além da influência humana nestes ambientes. Residente em Miami, é fascinada pela interconexão dos sistemas aquáticos do planeta e ciente de como o avanço do nível do mar em inúmeras regiões costeiras tem relação com o derretimento de geleiras, em razão do aquecimento global. Em suas palavras: “Meu trabalho surge do ritmo e da repetição presentes dentro de um ecossistema natural; contempla o delicado equilíbrio necessário para manter esses ecossistemas simbióticos. Materiais terrosos como gesso e argila são a base da minha produção, e esses materiais são moldados em obras que - como em um ecossistema natural ou uma sociedade - exigem a quantidade perfeita de tensão e equilíbrio para permanecerem intactas”. Sobre isso, Sebastiano Varoli comenta: “Sua produção, de execução delicada e refinada, representa uma mensagem poderosa e relevante a respeito da preservação dos nossos frágeis ecossistemas; a elegância das esculturas de Lauren nos lembra dessa fragilidade e da responsabilidade que temos, como espécie, de agirmos em proteção da nossa terra”.

Em um site-specific, Lauren Shapiro visitou florestas e rios, de onde coletou formas - com uso de moldes de silicone - de objetos naturais. A partir desses protótipos, a artista cria as partes que compõem suas esculturas em argila, empilhando-as uma acima ou ao lado da outra, o que resulta em um trabalho frágil e de natureza transitória - sendo as eventuais alterações físicas de sua obra registradas em fotografia e vídeo. Sobre esta estrutura, ainda são inseridos origames em papel dobrado. Desta forma, suas peças fazem referência às questões de fragmentação florestal, erosão e da insustentabilidade na maneira como o homem se relaciona com o meio-ambiente.

Ao longo do mês de agosto de 2018, Lauren Shapiro fará parte da residência artística Labverde, em Manaus/AM. Nesta ocasião, a artista coletará, da Floresta Amazônica, novos moldes de plantas e objetos ecológicos afetados pela presença humana em massa, os quais formarão obras frágeis de cerâmica não trabalhada, moldadas à mão. Após a ação da natureza sobre o caráter impermanente de suas peças, estas serão decompostas em pó seco, recicladas e recuperadas com água, a fim de construir uma nova instalação. “Ao eliminar os processos de envidraçamento e queima, posso reduzir minha própria ‘pegada de carbono’ como ceramista - especificamente das emissões de fornos e do uso de produtos químicos -, recuperar e reconstruir esses projetos de argila repetidas vezes, apenas para existirem na memória e nas fotografias”, conclui.



"Fragile Terrains" Lauren Shapiro
Curadoria: Sebastiano Varoli
Direção: Bianca Boeckel
Período: 08 de agosto a 08 de setembro de 2018
Local: Galeria VilaNova – Rua Domingos Leme, 73 - Vila Nova Conceição - São Paulo - SP
Horários: quinta a sábado - 12h às 19h | segunda a quarta - com agendamento:
Informações: (11) 2691-1190
contato@galeriavilanova.com.br
www.galeriavilanova.com.br





BANNER

BANNER

BANNER

BANNER

Leilões

Aguardando nova data...


Desenvolvido por Absoluta Internet - Tel. (21) 2513-3735 - leonardo@investarte.com