Notícias

Exposição - "Parallel Nippon"



crédito fotos: não informado




Parallel Nippon – Arquitetura Contemporânea Japonesa 1996-2006



A exposição “Parallel Nippon – Arquitetura Contemporânea Japonesa 1996-2006” chega a São Paulo, encerrando a sua itinerância pelo Brasil, iniciada em abril de 2010, antes de seguir para os Estados Unidos. Com 124 obras, entre fotografias, maquetes e origamis, o público poderá conhecer as obras arquitetônicas mais significativas construídas no Japão ou realizadas no exterior por arquitetos japoneses, ao longo destes dez anos.

Parceria entre a Fundação Japão e o Instituto Tomie Ohtake, contando com a cooperação do Instituto de Arquitetura do Japão e Consulado Geral do Japão em São Paulo, a mostra reúne um time dos melhores arquitetos, como Shigeru Ban, Tadao Ando, Jun Aoki, Yoshio Taniguchi, Toyo Ito, Tomoyuki Utsumi, e ainda os suíços Herzog & de Meuron.

A exposição traz ainda de volta para o Instituto Tomie Ohtake o escritório SANAA, de Ryue Nishizawa e Kazuyo Sejima – vencedores do Pritzker 2010 – e esta última também curadora da última edição da Bienal de Arquitetura de Veneza (2010). Antes disso, em 2008, o Instituto Tomie Ohtake apresentou a produção dos arquitetos, reunindo cerca de 40 projetos, entre os quais, em enorme maquete, o hoje construído e festejado projeto para o Politécnico de Lausanne, na Suíça.

O conjunto de trabalhos revela um período particular da sociedade japonesa, com mudanças econômicas e na política pública. Período em que foi adotado o modelo urbano do século 21, aproveitando o patrimônio construído, mas rumando para novas direções. A mostra divide-se em quatro ciclos distintos: Cidade - o centro e a periferia; Vida - do nascimento ao funeral; Cultura - o meio ambiente, a informação e as artes; e o da Moradia - adaptação ou afastamento?

“Compreender porque a obra arquitetônica é construída e usada está relacionado a como a cidade ou a região desenha sua sociedade e com que visão.”, afirma o Prof. titular de História da Arquitetura da Universidade de Keio e um dos coordenadores da mostra, Riichi Miyake.

No país, “Parallel Nippon – Arquitetura Contemporânea Japonesa 1996-2006”  passou por Manaus, Belém, Brasília, João Pessoa, Rio de Janeiro, Curitiba e Porto Alegre. Foi originalmente apresentada no Japão, em 2006, passando pelo Irã, Luxemburgo, França, Alemanha, Itália, Sudão, Argélia, México, Guatemala, Canadá e Colômbia.



Exposição “Parallel Nippon – Arquitetura Contemporânea Japonesa 1996-2006”
Abertura: 07 de dezembro de 2010, às 20h para convidados
Exposição: 08 de dezembro de 2010 a 30 de janeiro de 2011, de terça a domingo, das 11h às 20h

Instituto Tomie Ohtake
Av. Faria Lima 201 ( entrada pela Rua Coropés, 88) - Pinheiros - São Paulo - SP
fone: (11) 2245-1900

Realização:
Fundação Japão
Instituto Tomie Ohtake
Instituto de Arquitetura do Japão   
Consulado Geral do Japão em São Paulo




www.institutotomieohtake.org.br


BANNER

BANNER

BANNER

BANNER

Leilões

Aguardando nova data...


Desenvolvido por Absoluta Internet - Tel. (21) 2513-3735 - leonardo@investarte.com